Comité Científico

Construa connosco uma ponte entre a ciência e os negócios, a educação, o desporto, entre outras áreas.

Cooperação e aval científico

Investigação

A investigação do cérebro reconhece-se como uma das mais importantes do nosso século. Nos últimos 10 anos obtiveram-se as descobertas mais relevantes da história.

Descobertas que não só contribuem a curar doenças, senão que além disso são uma revolução no âmbito do desenvolvimento pessoal, a formação contínua, a liderança na empresa, o marketing, a comunicação e outras muitas áreas.áreas.

Inovação

Muitas companhias falam já de fomentar e otimizar a formação nas organizações.E é que o conhecimento é um tesouro que aumenta ao se compartilhar.
Mas conquanto é verdadeiro que a cada vez são mais as empresas conscientes disso, ainda não se integraram os conceitos mais importantes e inovadores sobre a mente humana.
A aventura para o novo paradigma acaba de começar.

Fontes rigorosas

Na busca de descobertas neurocientíficos damos muita importância a que os dados e resultados sejam reconhecidos e rigorosos.

Para isso nos baseamos em fontes provenientes de centros de investigação, universidades, publicações, divulgações, livros, revistas e artigos de renomados cientistas dos nossos tempos.

Formatos multimédia

Dar conhecimentos e implementá-los de forma duradoura depende sempre de em que medida nos adaptemos às diferentes formas de aprender da cada pessoa, bem como dos métodos eleitos e do ambiente no que estejamos no momento da aprendizagem.

Para facilitar a aquisição de conhecimentos, tanto dos nossos membros como dos seus clientes, todos os nossos conceitos e oficinas se elaboram em formatos multimédia.

O cérebro: Um milagre da evolução!

O cérebro humano Um milagre da evolução!

 

O cérebro humano não é muito grande, pesa aproximadamente 1,5kg, no entanto controla todo o que dizemos, pensamos ou fazemos.

Hoje por hoje este misterioso órgão, que durante tantos anos permaneceu como um desconhecido, está a tomar protagonismo em todas as áreas da nossa sociedade e se nos mostra como um fascinante universo de luz e bioquímica de cujo potencial ainda se desconhecem os limites.

 

Alguns de os experientes do Comité Científico da Alemanha e EEUU.

Prof. Dr. Eric Kandel

Prof. Dr. Eric Kandel

Cidadão Americano, pertence desde 1974 à “Academy of Sciences” dos EUA; Em 1997 foi condecorado por mérito pela Ciência e Arte pela Ordem Teutónica (Alemanha).

É professor universitário e Professor Kavli na “Columbia University” de Nova Iorque, Diretor do Instituto Kavli para investigação neuronal e do cérebro, investigador no Instituto Médico “Howard Hughes” e Membro do Conselho de Curadores do Instituto de Ciência e Tecnologia da Áustria. Em 2000 recebeu o Prémio Nobel de Medicina.

Prof. Dr. Gerhard Roth

Prof. Dr. Gerhard Roth

Neurobiólogo e Professor Dr. de Fisiologia do Comportamento e Neurobiologia do Desenvolvimento no Instituto de Investigação do Cérebro da Universidade de Bremen.

Durante oito anos foi presidente da Fundação de Bolsas de Estudo do “Povo Alemão” e co-fundador da “Roth GmbH, Applied Neuroscience”. É um dos mais famosos Neurobiólogos Europeus e autor de vários livros de referência.

Em 2011, foi condecorado com a 1.ª Classe da Grã-cruz da Ordem de Mérito da República Federal da Alemanha.

Prof. Dr. Christian Büchel

Prof. Dr. Christian Büchel

Estudou medicina nas Universidades de Heidelberg e de Mannheim formando-se em 1993. Depois de uma estadia para a doutoramento na Filadélfia e Copenhaga, exerceu na Clínica Neurológica da Universidade de Essen e foi, em seguida, de 1995 a 1999 sócio “Wellcome Fellow” no Instituto de Neurologia de Queen Square em Londres.

Posteriormente dirigiu um grupo de investigadores na Universidade Clínica de Hamburg Eppendorf, financiado pela Fundação Volkswagen. Desde 2004 é Professor Dr. e Diretor do Instituto de Sistemas de Neurociências em Hamburg.

Prof. Dr. Tobias Esch

Prof. Dr. Tobias Esch

Médico, investigador na área da saúde, neurocientista e autor.

Trabalhou, entre outros, nas Universidades de: Göttingen, Witten / Herdecke, Harvard e, Charité em Berlin. Harkness Fellow (Bolsa de investigação “Commonwealth Fund” New York) e professor convidado na “Harvard Medical School”.

Os eixos principais do seu trabalho são os aspetos neurobiológicos da saúde, incluindo a gestão de esforço, atenção e autorregulação. Vários livros técnicos e científicos, entre os quais se destaca “Die Neurobiologie des Glücks” ( “A  neurobiologia da felicidade”)..

Prof. Dr. John-Dyan Haynes

Prof. Dr. John-Dyan Haynes

Professor Dr. no “Bernstein Center for Computational Neuroscience” na Charité Berlin e Diretor do “Berlin Center for Advanced Neuroimaging” (Centro de Berlin de Neuroimagem Avançada).

As suas pesquisas estão focadas sobre a atividade cerebral e como os pensamentos podem ser lidos e previstos. Outras áreas de investigação são: a “consciência”, “intenções” e o “livre arbítrio”.

O seu trabalho não só abarca a viabilidade técnica, como também aborda os limites éticos da “Neuro tecnologia”.

Prof. Dr. Ursula Dicke

Prof. Dr. Ursula Dicke

Professora Dra. de fisiologia comportamental e neura anatomia funcional no Instituto de Investigação do Cérebro da Universidade de Bremen

O seu foco de investigação: comportamento emocional-afetivo e controle neuronal do comportamento agressivo em humanos e animais. A implementação em ação de processos perceptivos e a formação de hábitos. Como interagem as emoções e as sensações na formação de hábitos.

Prof. Dr. Martin Meyer

Prof. Dr. Martin Meyer

Nasceu em Düsseldorf em 1968, é Psicólogo e Neurocientista.

Estudou em Berlin e fez o seu Doutoramento em Leipzig. Realizou atividades de investigação e ensino em Edinburgh (Escócia) e Zurique. Trabalhou no Hospital Universitário e na Universidade de Zurique.

Desde 2009 exerce como professor convidado em Klagenfurt e desde 2011 é Professor Catedrático na Universidade de Zurique. Zúrich.

Prof. Dr. Thomas Münte

Prof. Dr. Thomas Münte

Estudou medicina e neurociência. Após a sua formação como neurologista, na Escola Superior de Medicina de Hannover, foi, durante vários anos, Professor Dr. de Neuropsicologia em Magdeburg e é, desde 2010, diretor da Clínica de Neurologia e do Instituto de Psicologia II da Universidade de Lübeck.

Investiga e desenvolve estudos sobre o controle do comportamento humano em indivíduos saudáveis ​​e pacientes com transtornos neurológicos, com ênfase em processos de motivação.

Prof. Dr. Wolfgang Walkowiak

Prof. Dr. Wolfgang Walkowiak

Professor de Zoologia no Centro Biológico da Universidade de Köln.

O seu foco de investigação são, as bases neuronais do controlo comportamental, comunicação acústica e da integração senso motora.

Publicações (entre outras): “Intuição ou razão – como decidem os líderes de elite? Uma análise do ponto de vista neurobiológico”; “Vontade, onde estás tu? Plano de ação e seleção do ponto de vista neurobiológico”; “Planear e agir duma perspectiva neurocientífica.”

Neurofan (PT)

Recibe consejos y noticias sobre los más actuales descubrimientos

Neuronews

Noticias semanales sobre los nuevos descubrimientos y curiosidades de Neurociencia.

Neurotips

Regularmente enviamos consejos sobre la aplicación de la neurociencia.

Neurobooks

Una vez al mes hacemos una recomendación sobre un libro de interés.

1
Hola 👋, estamos por aquí para charlar por WhatsApp!! ¿Necesitas ayuda?
Powered by